Reflexões

Uma reflexão sobre jogos multiplayer e o capitalismo em Mitos.is.

em 26 de setembro de 2019
Um jogo em que células competem pelo seu crescimento. Mas o aspecto social pode tornar a dinâmica mais complexa.

Você ja reparou como a dinâmica de jogos eletrônicos pode ser influenciada simplesmente ao se adicionar uma mecânica competitiva multiplayer? Um simples placar de lideres já é capaz de criar novos objetivos e fazer com que você se esforce mais repetindo um jogo ja "batido", em troca de superar seu amigo/rival.

Isso é ainda mais acirrado em um formato de competição direta, em que por mais básicas que sejam as regras do jogo, está estabelecido o potencial para uma partida épica. E estou falando, obviamente, de Pong, um jogo tão clássico e icônico quanto é simples e primitivo. Dois jogadores, duas raquetes, uma bola e um placar. Pong não depende de um level design complexo, de gráficos poderosos, de inteligência artifical robusta em "inimigos", justamente porque não há inimigos, não há design de níveis, não são puzzles complicados nem uma história misteriosa. São duas pessoas se enfrentando em uma arena eletrônica.

Embora atualmente Pong não impressione ninguém e nem cause tal rivalidade, partidas intermináveis e disputas acirradas, a adição do modo multiplayer a jogos com uma mecânica bastante simples ainda funciona muito bem. Entra em cena Mitos.is.

Mitos.is como em mitose

Porque basicamente, você é lançado em uma arena sendo uma célula, com o único objetivo de comer outras células para crescer em tamanho, mas tendo cuidado para não comer um virus, que lhe faz se dividir em múltiplas células menores. Se você se sobrepor a uma célula menor, ela é consumida. Regras simples, controles idém: pra frente, para trás, para a direita, para a esquerda, acelerar e finalmente, dividir-se. Como em uma mitose!

Este artigo foi marcado como